Slide background

Receba em primeira mão informações sobre eventos, feiras, cursos, palestras e muito mais!

Já vai embora?

CLIQUE AQUI PARA SE CADASTRAR

Lafry: Joias com DNA carioca e muita história para contar

Das peças mais clássicas às últimas tendências, a Lafry, charmosa joalheria comandada pelo designer Eduardo Vaks, se diferencia pelo atendimento personalizado ancorado em seus 35 anos de história. A Lafry, que nasceu em 1984 como uma loja de souvenires no Shopping Cassino Atlântico, em Copacabana, carrega, desde o início, o DNA carioca e a tradição do negócio familiar em sua marca. O nome presta uma homenagem à mãe de Eduardo, Frida, e à irmã dela, Iliana, chamada de tia Lana. Da junção das duas primeiras sílabas surgiu o nome Lafry, que se passa por francês, mas teve seu berço no Rio de Janeiro, e uma trajetória que se confunde com a da própria cidade.

Loja

Eduardo e seu pai, Francisco Vaks, renomado joalheiro, trabalhavam no setor de produção da Amsterdam Sauer quando decidiram ir em busca do sonho de Francisco de ter o próprio negócio. O primeiro passo foi assumir a loja de souvenires, que, na época, era tocada pela mãe e tia de Eduardo. Um ano depois, trocaram as lembrancinhas pelas joias, ramo em que realmente tinham expertise. O negócio deslanchou, e a loja migrou para os maiores shoppings cariocas. Em maio, a Lafry completa 28 anos no Fashion Mall, endereço que combinava com a proposta mais intimista da joalheria e que também era uma aposta nova na cidade. 

pingente

Na Lafry, quase todas as peças são desenhadas por Eduardo, que aprendeu a conhecer o estilo das cariocas em seus longos anos de varejo. “Nosso diferencial é ter o desenho e executar com velocidade. O que conquista os clientes é a história da Lafry. Como não somos uma cadeia, conseguimos desenvolver este relacionamento pessoal com a clientela.  Temos este atendimento personalizado, mais focado no produto”, revelou Eduardo. 

Em 2015, a Lafry abriu uma segunda loja, no Rio Design Barra, onde, assim como no Fashion Mall, está conquistando consumidores fiéis. “Fico feliz de ter dado continuidade ao sonho do meu pai, de certa forma, ajudei o negócio a acontecer”, comentou. 

anel

Com oficinas em Copacabana e no Centro, Eduardo Vaks diz que gosta do desafio de criar coleções próprias para a loja. Com a bagagem da escola antiga de joalheria, o designer incorporou a tecnologia à criação, mas não abre mão dos processos tradicionais. “Misturo a escola antiga com a escola atual. Desenho no computador, mas têm joias em que o resultado não fica tão bom, então desenvolvo o modelo em prata, esculpindo a cera ou trabalhando direto com o ouro”, contou. 

Coleções

As novas coleções virão com muitas pedras brasileiras de cor. “Estou focado, escolhendo as combinações de cores certas, a tendência é ter muita joia colorida. Não necessariamente com gemas orientais, como rubi e safira, mas com pedras como o topázio azul, citrino e turmalina rosa. Serão peças multicoloridas”, adiantou. 

Além das novidades, a Lafry oferece todas as joias tradicionais, entre alianças de noivado, argolas, pingentes de santos, solitários e esmeralda. “São peças importantes, que toda a joalheria deve dispor e têm o seu público”, comentou. 

Outra linha que não deixa a vitrine é a coleção Castelinho, de joias infantis, a mais fofa da cidade. Desenvolvida em 2007, a coleção caiu no gosto do público, e nunca mais saiu do catálogo. “Gosto das linhas clássicas. A Lafry é uma joalheria pequena, que tem de tudo. São peças únicas e algumas exclusivas”, contou o designer, que também faz joias personalizadas de acordo com a demanda do cliente. 

brinco cupcake

Uma das apostas recentes de Eduardo foi a Animal Print, uma coleção composta de anéis com motivos de felinos e serpentes. “Animais sempre estiverem presentes na alta joalheria internacional. Esta linha é uma homenagem às mulheres, e prima pela sedução e beleza”, revelou. 

anel 2

Para Eduardo, a joia pode ser interpretada por diversos olhares. “Pode ser vista como um valor, uma commodity, mas também tem seu componente emocional. Nada melhor do que uma joia para marcar uma data especial, quem recebe uma joia de presente sempre ficará com esta lembrança como marcador temporal. Agora, ela também é um acessório que segue as tendências da moda”, afirmou. “O importante, para a Lafry, é que cada um que compre aqui se sinta em casa”, concluiu Eduardo Vaks.









Assine nossa News

Informe seu melhor email para receber as últimas notícias do setor de joias e bijuterias.
Você é empresário do setor de joias e bijuterias?

Instagram Feed

POSTS RECENTES

 

Assine nossa News

Informe seu melhor email para receber as últimas notícias do setor de joias e bijuterias.

Você é empresário do setor de joias e bijuterias?